Acelerómetros EX/ATEX

Os acelerómetros EX/ATEX aprovados para uso em áreas perigosas são certificados para estarem em conformidade com os requisitos ATEX.

Modelos robustos e compactos com certificação Ex/Atex para aplicação em áreas classificadas:

  • Ex ia IIC T3/T4;
  • Ex II 3 G D.

Acelerómetros EX/ATEX

Os acelerómetros EX/ATEX, aprovados para uso em áreas perigosas, são certificados para estarem em conformidade com os requisitos ATEX.

  • É comum exigir este tipo de certificação ao instalar sensores em uma área potencialmente explosiva.
  • Algumas instalações podem exigir uma barreira limitadora de energia adicional, dependendo da classificação da área perigosa.
  • Em muitas indústrias são comuns os locais perigosos onde é necessário instalar sensores de vibrações como sejam os acelerómetros ATEX.
  • Muitas áreas que antes eram consideradas áreas “seguras” podem ser reclassificadas no futuro como áreas perigosas, já que as empresas buscam reduzir as áreas onde podem ocorrer acidentes.
  • Com isso em mente, os sensores aprovados para uso em áreas classificadas estão a proliferar incluindo nomeadamente os acelerómetros ATEX.

 

Disponibilizamos acelerómetros EX/ATEX industriais, das marcas mais reputadas, para múltiplas aplicações e com as mais diversas configurações:

  • Acelerómetros de utilização geral
  • Acelerómetros para baixas frequências
  • Acelerómetros para altas frequências
  • Acelerómetros para altas temperaturas (até 700 ºC)
  • Acelerómetros compactos
  • Acelerómetros triaxiais
  • Acelerómetros com saída 4-20mA e AC
  • Transmissores de vibrações com saída 4-20 mA
  • Acelerómetro com saída em temperatura
  • Acelerómetros com saída em velocidade
  • Acelerómetros de carga e IEPE para análise de vibrações

 

A nossa vasta gama de acelerómetros ATEX pode ser ligada diretamente a múltiplos equipamentos:

  • Sistemas de aquisição de dados;
  • PLCs,
  • Sistemas on-line de monitorização de vibrações;
  • Vibrometros
  • Coletores de dados
  • Analisadores de vibrações

 

Fornecemos também toda a gama de acessórios e complementos necessários para a sua utilização:

  • Barreiras de Zener para áreas perigosas
  • Acessórios de montagem
  • Caixas de junção
  • Amplificadores de carga e IEPE
  • Fontes de alimentação
  • Condicionadores de sinal
  • Seletores de canais
  • Sistemas on-line de monitorização de vibrações protetivos
  • Sistemas on-line de monitorização de vibrações preditivos
Tipo de Instalação

Guia ATEX

A seguir está um breve guia sobre o que deve ser considerado ao especificar sensores de vibrações, nomeadamente acelerómetros ATEX, para áreas perigosas:

Qual é a classificação da área?

A diretiva ATEX, onde estão, portanto, englobados os acelerómetros ATEX, cobre explosões de gases, mas também poeira sólida (que, ao contrário da perceção comum, pode levar a explosões perigosas)

  1. Perigo – Gás / vapor / névoa
    • i. Zona 0 – Um local no qual uma atmosfera explosiva, que consiste em uma mistura com o ar de substâncias perigosas na forma de gás, vapor ou névoa, está presente continuamente ou por longos períodos ou frequentemente.
    • ii. Zona 1 – Um local no qual uma atmosfera explosiva, que consiste em uma mistura com o ar de substâncias perigosas na forma de gás, vapor ou névoa, pode ocorrer em operação normal, ocasionalmente.
    • iii. Zona 2 – Um local no qual uma atmosfera explosiva, consistindo de uma mistura com o ar de substâncias perigosas na forma de gás, vapor ou névoa, não é provável que ocorra em operação normal, mas, se ocorrer, persistirá por um curto período, apenas.
  2. Perigo – Pó / poeira
    • i. Zona 20 – Um lugar no qual uma atmosfera explosiva na forma de uma nuvem de poeira combustível no ar está presente continuamente, ou por longos períodos ou frequentemente.
    • ii. Zona 21 – Um local em que uma atmosfera explosiva na forma de uma nuvem de poeira combustível no ar, é provável que ocorra em operação normal, ocasionalmente.
    • iii. Zona 22 – Um local no qual uma atmosfera explosiva na forma de uma nuvem de poeira combustível no ar, provavelmente não ocorrerá em operação normal, mas, se ocorrer, persistirá por um curto período, apenas.

Case Studies

Acelerómetros

 

Acelerómetros ATEX

 

Rolar para cima